Scroll Top

A Unidade da Igreja será o assunto da próxima live dos Diálogos de Esperança

Diálogos-de-Esperança_17-05THUMB-DIÁLOGOS
Inscreva-se aqui!

A série de lives Diálogos de Esperança da próxima terça-feira, 17 de maio, falará sobre unidade como um aspecto fundamental na missão e testemunho da igreja ao mundo. Somando-se aos esforços de diversas organizações cristãs junto ao Centro de Treinamento Para Plantadores de Igrejas (CTPI), a live trará o mesmo título da conferência que deve acontecer no mês de setembro deste ano, “Unidade – a face esquecida da missão“.

O maior e mais poderoso testemunho da igreja de Cristo ao mundo é a unidade do corpo fundamentada no amor de Cristo. Mas não poucas vezes reduzimos a missão da igreja ao ensino e à proclamação do evangelho no sentido de “fazer” enquanto esquecemos do fundamento “ser” o testemunho que traz luz e esperança ao mundo, como recomenda a oração de Jesus, registrada no evangelho segundo João: quando nossa fé comum for elevada à “plena unidade”, então as pessoas saberão que o Pai as ama.

Como está o nosso testemunho como igreja no tocante à unidade? Como traduzir essa “unidade plena” em termos práticos na vida da igreja hoje?

Para falar deste assunto, a live de Diálogos de Esperança convidou Cassiano Luz, diretor executivo da Aliança Cristã Evangélica Brasileira e diretor transcultural da SEPAL e Débora Fahur, que trará uma perspectiva prática através de sua vasta experiência como membro e conselheira da Rede Evangélica Nacional de Ação Social (RENAS) – uma ampla rede de relacionamentos entre dezenas de organizações e igrejas evangélicas que atuam na área social, em todo o Brasil.

 

Serviço – Diálogos de Esperança

Tema: Unidade – A face esquecida da missão

Quando: 17 de maio de 2022

Hora: 20h (Horário de Brasília)

Local: Canais da Editora Ultimato no YouTube e Facebook, simultaneamente.

Realizadores: Aliança Evangélica Brasileira, Tearfund, Ultimato e Visão Mundial

 

Sobre os convidados

Cassiano Luz é diretor executivo da Aliança Cristã Evangélica Brasileira e diretor transcultural da SEPAL. Serviu por oito anos junto ao povo indígena ianomâmi, no extremo norte do Brasil, foi presidente da Associação de Missões Transculturais Brasileiras (AMTB) e Diretor de operações da Visão Mundial Brasil. Estudou teologia, ciências sociais e é pós-graduado em teologia urbana, antropologia intercultural e em gestão de negócios e projetos sociais. É casado com Eugênia Rosa, pai de Rebeca, Linda, Isaac e Clara Luz.

Débora Fahur é membro da Rede Evangélica Nacional de Ação Social (RENAS) em São Paulo, e conselheira da RENAS Nacional. É psicóloga, tem MBA em gestão e empreendedorismo social pela FIA-USP. É casada com Elias Fahur e mãe de Bárbara e Rebecca.

Posts relacionados

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Privacy Preferences
When you visit our website, it may store information through your browser from specific services, usually in form of cookies. Here you can change your privacy preferences. Please note that blocking some types of cookies may impact your experience on our website and the services we offer.